O amor é brega. E quem não é?

quinta-feira, 18 de maio de 2017

DOPAMINA


Tudo que você faz é tudo que torna você.
Mas você está distraída.
Tudo que você investiu tempo há tempos você não dá mais atenção.
Você é uma construtora. Um grande prédio está sendo montado independente da sua vontade e você não se preocupa com o tijolo que colocou hoje. Você está distraída.

Você não irá resolver tudo de uma vez. Você sabe. Isso não será repentino.
Assim como o processo até essa poça de vômitos.
Você quer mudar todo o inferno que te trouxe até aqui, mas como vai mover tudo isso se você continua distraída?

O mundo não é sobre legado ou sobre o que realmente importa.
Tudo isso aqui só pode ser feito uma vez. Então faça.

Não há certezas. Você pode ficar pior do que está, mas sem jogar como saberá?

Você é mais vulnerável, burra, estúpida e egoísta do que imagina.
E eu, por minha vez, muito mais arrogante do que pareço, se não, não diria o que era para ser dito por eles antes das lágrimas e vômitos serem corriqueiros.

Todo mundo é infeliz, aceite. Você não é melhor do que ninguém e as pessoas do Instagram são emulações do que elas queriam ser. É tudo falso. Mais imaterial do que suas crises.

Você é e feita do mesmo lixo que todos nós.
Tome um banho demorado.
Eu limpo essa bagunça.
Amanhã você acorda mais cedo e compra o pão.
E recomeça mais uma vez, mas sem pressa, sem se distrair.
Porque essa droga que eles chamam de vida ou felicidade, já disseram, é uma maravilhosa maratona e não uma estúpida corrida.

HELIARLY RIOS.
É um amante. De política, economia e futebol. É um apaixonado por F1 e NFL. Garante o pão de cada dia e um teto para descansar trabalhando como analista contábil. Seu único amor é escrever de forma irresponsável e livre de culpa. O resto são paixões.

0 comentários:

Postar um comentário