O amor é brega. E quem não é?

quarta-feira, 5 de abril de 2017

DOENÇA!




- Bom dia, doutor.
- Bom dia. O que te traz aqui hoje?
- Estou passando mal há dias, doutor. Mal mesmo. Acho que meu corpo está entrando em colapso. Vou morrer. Tá, eu sei que todos morrem, mas acho que vou morrer logo, loguinho. Tipo, já, saca?
- O que te faz acreditar nisso, homem? O que você está sentin...
- É tanta coisa, doutor. Começou umas semanas atrás, comecei tendo uma visão com uma anja linda, mas tão linda que comecei a sentir falta de ar. Ela (a anja) tem mais ou menos minha altura, é negra daquelas que usam black power e parecem que são donas do pedaço, sabe. Olhos felinos, um sorriso que, oh, sei não viu. Depois dessa visão, não durmo direito mais e, quando durmo, sonho com a tal da anja. Comer só de vez em quando porque saco vazio não para em pé, já dizia minha mãe.
- Mais alguma coisa? Sente dores em algum lug...
- O pior é que descobri que a anja é de verdade e mora perto de mim, doutor. Aí que ferrou com tudo, porque agora a vejo na padaria, no mercadinho da esquina. Daí comecei a sentir umas faltas de ar, uns bagulhos no estômago que parecem a festa do apê do Latino. Tô enfermo, doentasso, devem ser meus últimos dias na terra...
- Olha, pelo seu relato, acho que você está sofrendo da Síndrome do Apaixonado de Primeira Viagem. Não é doença não, é amor mesmo, homem.
- Sinceramente, eu pensei que você fosse um bom profissional, mas, oh, que decepção. Amor, faça-me o favor. É cada uma.
E saiu. E morreu (de amar).


EDSON CARDOSO
Professorzim brasiliense, formado em letras, amante de (boa) música e rato de jogos online. Um cara que não é um poeta, mas que se arrisca a brincar com as palavras. Nem de longe um boêmio, tampouco um insensível nato. Gosta de ficar em casa enchendo os "pacovás" das irmãs e ouvindo o cantarolar de sua mãe. Coleciona fotos e lembranças das viagens que já fez e planeja muitas outras. Alguém que agradece a Deus diariamente o dom da vida e a graça de ter uma família com quem pode contar. 

0 comentários:

Postar um comentário