O amor é brega. E quem não é?

terça-feira, 21 de março de 2017

SONNE

Ela tem a fórmula que acaba com a minha vontade de fugir.
Ela sana todas indagações.
Mas ela nunca começa os parágrafos.

Ela sussurra tiros.
Limpa a cena do crime.
Mas ela nunca fica para as explicações.

Ela é o motivo da febre.
Ela faz café para tomar o remédio.
Mas ela se vai depois que estou com 36,5°C.

Ela sabe que pode pedir tudo.
Ela pode ter o melhor de mim.
Mas ela nunca espera os sonhos virarem realidade.

Ela é a cura para dor que ela é.
Ela segura a minha mão até a dor passar.
Mas quando abro os olho ela já não está mais lá.

Eu a amo tanto.
Não queria que ela fosse embora.
Mas não posso pedir para ser dono do que nunca foi meu.

HELIARLY RIOS.
É um amante. De política, economia e futebol. É um apaixonado por F1 e NFL. Garante o pão de cada dia e um teto para descansar trabalhando como analista contábil. Seu único amor é escrever de forma irresponsável e livre de culpa. O resto são paixões.

0 comentários:

Postar um comentário